Como deixar o estresse no trabalho

Como deixar o estresse no trabalho

Vamos deixar as fantasias de lado e abordar este tema com um pouco mais de pé no chão.

Muita gente ama o trabalho. Pessoas que acordam felizes, se arrumam e seguem para uma rotina de batalhas e desafios. Mas tem gente que não, e isso não é raro.

Em ambos os casos, precisamos reconhecer que o trabalho é muito mais do que só a parte divertida. Existem mais situações que não podemos controlar e que causam estresse, do que momentos felizes onde sentimos que estamos sendo desfiados.

Depois de um longo dia de trabalho, acumulamos uma série de impasses, discussões, medos, ansiedade e muito, muito estresse, principalmente quando existe um certo clima de instabilidade.

E isso é normal. Não é nenhum crime sentir que o trabalho cansa ou que você precisa chegar em casa, deitar um pouco e aliviar as costas.

Sem contar tudo o que não envolve trabalho e que contribui diretamente para que nosso dia seja mais cansativo e estressante.

É acordar cedo, não encontrar a roupa certa, achar que não está bem vestido e sair de casa meio desconfortável. Chegar cedo para pegar ônibus, ficar preso no transito ou precisar descer e esperar outro porque o ônibus quebrou. Para quem dirige, os indices de estresse podem ser ainda maiores, cada fechada que recebe, barberagem ou medo de ter levado uma multa é um novo gatilho.

Aí tem também o filho doente, a mãe ligando para reclamar da tia Sônia, o marido que não colabora ou a esposa que esqueceu de pagar o boleto da luz.

Muitas vezes, o peso acumulado de todas essas pequenas coisas cai nas nossas costas antes mesmo da gente sentar na cadeira do escritório.

Já estamos exaustos, mas olhamos para o relógio e ainda faltam 8 horas do dia.

E tem quem diga que é preciso saber separar as coisas. Vida pessoal é uma coisa, trabalho é outra. Mas isso também é ilusão. Como seres humanos, não existe uma chave que a gente seja capaz de desligar. Tudo isso vai se acumulando e, quando saímos do trabalho, somos uma pilha carregada de estresse.

Mas você não precisa carregar tudo isso com você. Existem algumas saídas para que tudo isso fique na porta do trabalho e você seja capaz de descomprimir quando chegar em casa.

Comunique-se, mas é de verdade.

Quando estamos cobertos de trabalho, o comum é nos silenciar e ficar martelando cada um dos problemas e acontecimentos em nossa cabeça. Esse pequeno processo acaba criando um efeito ruim, amplificando sentimentos e aumentando ainda mais a pressão. No fim, não conseguimos desfrutar do que de fato pode nos ajudar a relaxar, o contato com a família e uma boa conversa com quem nos conhece bem.

Ao chegar em casa depois de um dia estressante, fale o que está sentindo. Explique o que aconteceu de ruim no trabalho, os problemas que enfrentou e as preocupações que estão martelando em sua cabeça. Falar ajuda a aliviar e deixa as outras pessoas mais próximas de você.

Crie um processo de transição antes de ir para casa

É interessante construir um processo de transição, criando um momento intermediário entre o trabalho e sua casa, que permita aliviar um pouco da tensão do seu dia. Pode ser uma paradinha no lago para respirar um pouco e esticar as pernas. Sentar num café para tomar um suco e assistir um vídeo engraçado no celular, ou simplesmente sentar no carro em alguma praça e ouvir alguma música que você goste para relaxar.

O importante aqui é ter um momento para respirar e sentir que o dia está ficando para trás, antes de seguir caminho para casa.

Desabafe com amigos

Antes de tudo, é preciso dizer para não exagerar com isso. Ser a pessoa que só conversa com os amigos para falar de problemas acaba transferindo seu estresse para eles e criando barreiras para a amizade.

Mas de vez em quando, é bom chamar um amigo de confiança para falar sobre os problemas de trabalho, compartilhar as dificuldades e os medos. Deixe claro que você nem precisa de uma resposta para o que está dizendo, apenas precisa colocar pra fora algumas coisas que, se ficarem presas, podem causar um estresse ainda maior.

Gaste energia com exercícios

Outra forma eficiente de esvaziar o estresse do trabalho antes de voltar para casa é fazendo exercícios. Atividades físicas são uma das maneiras mais eficientes de liberar o estresse e colaborar para alivio da ansiedade e nervosismo.

E para quem não gosta de musculação, existem inúmeras atividades que podem ser benéficas para quem deseja aliviar o estresse. Artes marciais, natação, dança ou corrida podem ajudar bastante sem precisar lidar com a monotonia das academias tradicionais.

--

Saúde mental é um problema sério e que pode causar doenças graves. Cuidar-se faz parte tanto da qualidade de vida, quanto do próprio desempenho no trabalho. Mesmo para você que deseja aumentar a produtividade, cuidar da mente é uma ferramenta poderosa para melhorar o desempenho.