O que ninguém conta sobre o RD Summit 2017

O que ninguém conta sobre o RD Summit 2017

Faz uma semana escrevi um texto apresentando o RD Summit 2017, onde falei um pouco sobre as dimensões titânicas do evento e todas as promessas divulgadas pela Resultados Digitais.

O evento passou. Agora é o momento de juntar tudo e fazer o balanço do que aconteceu nesses 3 dias em Florianópolis.

Esse foi meu primeiro Summit e, mesmo acompanhado por veteranos que já participaram de todas as edições anteriores, não estava preparado para o que encontrei por lá.

Palestras importam menos do que parece

As palestras foram incríveis, nossa equipe se dividiu em turnos para que todos pudessem aproveitar os palestrantes que fossem mais valiosos para a especialidade de cada um.

Os palestrantes possuem um papel importante para o evento, mas a grande magia acontece entre os participantes do evento.

Pude conversar com mais de uma centena de profissionais dedicados, empenhados em melhorar a qualidade do serviço que prestam, conhecer novas tecnologias e compartilhar conhecimento.

Mais ainda, todas as pessoas demonstravam uma abertura ímpar para conversar. Um espírito que não encontramos com tanta frequência.

Conversei sobre Big Data na área de food truck, discuti organização de serviços e experiência do cliente enquanto esperava o café e descobri novidades importantes sobre o mercado de chatbots bebendo chope.

O evento é de fato uma grande confraternização entre profissionais e entusiastas dispostos a aprender e compartilhar o que sabem com quem se mostrar interessado.

Se não for pra negociar, fique em casa

Mesmo no clima amistoso e de compartilhar informações, ninguém saiu de casa para brincar.

Todas as pessoas que conheci estavam ali afim de fazer e facilitar negócios. No estande do Moskit CRM inúmeras pessoas chegaram por indicação de amigos ou de pessoas que haviam acabado de conhecer no evento.

Foi até curioso ver pessoas literalmente levadas pela mão chegando para saber mais sobre nosso trabalho.

Quer um sócio? Um parceiro? Arrumar clientes para testar o conceito de um novo projeto? Falar sobre possibilidades? Entender melhor um mercado? Resolver problemas que existem na sua empresa? No RD Summit você encontra gente para todas as situações e prontas para fazer bons negócios.

Brindes para o ano inteiro

Para quem gosta de brinde o RD Summit é um prato cheio.

Das camisetas promocionais com designs fantásticos e que não perdem em nada para grandes marcas, até materiais de escritório, canecas e fidget spinner, tinha de tudo por lá.

Quem está com amigos pode aproveitar para conquistar uns brindes em dobro. E não é que eu tenha me dedicado muito na busca de brindes, mas quase não consegui fechar minha mala que foi praticamente vazia para Florianópolis.

O evento é um verdadeiro Natal fora de época. Foram inúmeros presentes divertidos e que estavam disponíveis para quem quisesse. Tudo isso sem falar nos sorteios, que davam a chance de levar pra casa smartwatches, smartphones e diversos outros presentes ainda maiores.

Guia Michelin RD Summit

Cheguei no Summit esperando um grande evento de marketing, mas mal podia imaginar que estava entrando num dos maiores festivais gastronômicos que já estive.

Quem já visitou eventos gastronômicos sabe que a maioria deles traz bem menos opções do que estavam disponíveis nos mais de 60 food trucks presentes no RD Summit.

Sushi, comida mexicana, massas, frutos do mar, hambúrgueres, sanduíches, salgados, doces e tortas: é difícil pensar em alguma especialidade que não estivesse acessível, e tudo feito com muita qualidade e com preços acessíveis - ok, quase tudo.

Para os que não queriam gastar muito, era possível passar o dia comendo frutas ou petiscos que estavam disponíveis em grande quantidade e, melhor ainda, tudo na faixa. Para os amantes do café, também era possível escolher entre café espresso ou coado, também liberado.

Os food trucks estavam disponíveis durante todo o dia, era possível comer a qualquer momento, facilitando muito quem quer evitar filas ou experimentar mais opções ao longo do dia, principalmente, é claro, durante o happy hour.

Amizades instantâneas

Se existe algo que une pessoas é a identificação de que estão juntos, lutando a mesma batalha.

As pessoas que trabalharam nos estandes entendiam o cansaço do outro. Ganhei brigadeiro, trouxeram chope e passaram algumas vezes pra perguntar como eu estava. E não foi gente que eu já conhecia, foram profissionais que conheci visitando seus stands e falando, inicialmente, sobre trabalho.

Da mesma forma, quando encontrei outras pessoas que produzem conteúdo, assim como eu, era possível ver seus olhos brilhando e a identificação de que somos parte da uma mesma luta, que entendemos cada dificuldade envolvida no que fazemos todos os dias.

Recebi convites para festas em empresas que não conhecia, confraternizações de pessoas que nunca tinha ouvido falar e até fui chamado para uma festa de aniversário. Conheci muita gente que talvez não encontre mais, não tenho dúvidas. Mas também encontrei gente que certamente continuarei em contato por muito tempo, seja como parceiro de negócios ou como uma amizade para a vida.


Obrigado ao pessoal da Contentools, Exact Sales, DNA de Vendas, Tekoa, Surfe e Moblee

Um mar de co-marketing

A equipe do Moskit CRM foi para o Summit com um propósito simples: vender muito.

Qualquer outra agenda era secundária, o importante era vender bastante, adotando condições ousadas e exclusivas para o evento.

Além de ajudar o time a vender, eu ainda precisava cumprir outra missão: visitar os stands para fazer parcerias de co-marketing.

Para minha surpresa, assim como mencionei em outros momentos do texto, a abertura das empresas foi surpreendente. Não teve uma empresa que conversei que não estivesse disposta a realizar campanhas em colaboração.

A disponibilidade foi tanta que gerou outro problema, eu precisava organizar todos esses contatos e a situação de cada projeto. A resposta? Criar um Moskit pra isso.

Moskit CRM é uma solução desenvolvida para organizar negócios nas fases do funil, então criamos um funil separado em fases de negociação e, quando o negócio chega em Ganhou, torna-se um projeto.


Os nomes dos negócios foram apagados para preservar as empresas.

O funil é simples e dividido em 5 fases:

Co-marketing: tem as pessoas que estamos no primeiro contato, restabelecendo o que foi conversado ao longo do evento.

Alinhamento: retomamos a conversa e estamos definindo o tipo de material que será produzido nessa parceria.

Follow-up: uma fase para ajustes extras e fechamento de algum outro detalhe importante. Também aqueles que foram marcados para uma data distante.

Ganhou ou Perdeu: Ganhou é quando passa para a fase de produção, e perdeu são co-marketings que acabaram não fechando.

Ao chegar na fase ganhou um projeto é aberto automaticamente dentro o Moskit Boards, nosso módulo de gerenciamento de projetos.

Nossa produção de co-marketing é divida em 4 fases simples: alinhamento de temas, produção, revisão / aprovação e publicação, divisões que me ajudam a ter uma controle de total de como está a saúde de cada parceria.

--

O RD Summit foi um evento incrível. É uma grande festa recheada de momentos especiais e de oportunidades que não esperava. Os resultados foram os melhores possíveis em todos os aspectos, deixando a equipe toda em clima de comemoração.

Agora temos muito trabalho para alinhar todas as oportunidades que o evento trouxe e nos preparar para fazer algo ainda maior no RD Summit 2018.

Se ficou curioso sobre como o Moskit CRM funciona, clique aqui para fazer um teste grátis.

<a href="http://moskitcrm.com/teste-crm-gratis/" title="Teste Grátis"target="_blank"/>
alt