Sem tempo irmão: Venda para apressados

Sem tempo irmão: Venda para apressados

Cada dia o tempo está se tornado mais escasso. Assim, atividades precisam ser reorganizadas a todo momento de acordo com nossa pressa e disponibilidade.

O tempo é um dos recursos mais difíceis de extrair do consumidor, já que a priorização muda com muita facilidade.

Quando uma barreira entre o vendedor e o cliente é criada com a desculpa de tempo, é preciso aprender a furar esse bloqueio e acelerar a negociação. E isso deve começar no primeiro contato.

Durante o primeiro contato com o cliente é imprescindível reunir o maior número de informações em relação a sua empresa e suas dores.

Todo mundo que tem um problema espera que ele seja resolvido o mais rápido possível.

Sendo assim, ao final da primeira reunião, algumas imposições podem ser feitas.

❋ Pergunte qual a pressa do cliente em resolver o assunto.

Antes de tentar prosseguir com a venda relembre todas as dores que foram relatadas e pergunte pra ele onde sua pressa se encaixa, de 0 a 10 em resolver os problemas.

Se sua resposta for número elevado, registre essa informação.

Nos próximos contatos com o cliente utilize o gatilho de compromisso e coerência, o fazendo relembrar sua resposta, e claro, sua dor.

❋ Crie compromissos que não possam ser cancelados

Uma outra forma de conseguir o tempo do cliente é criando compromissos que ele não consiga cancelar.

Tente envolver outra pessoa em uma futura reunião, o cliente tende a não cancelar esse tipo de compromisso já que o tempo de um terceiro também está em jogo.

❋ Tenha certeza que você tem o maior número de canais de contato possível

A forma com que se conversa com o cliente pode mudar a visão que ele tem sobre você.

É preciso tomar cuidado em como será utilizado os gatilhos ou serão retomados assuntos referente a reunião. É preciso lembrar que, mais do que a forma como se fala, onde a fala está encaixada também conta muito.

Ter o maior número de canais em mãos aumenta as possibilidades de contato, já que quanto maior forem as tentativas, melhores as chances de conseguir contatar o cliente.

Entretanto é necessário ter um cuidado extra, não se pode ligar ou enviar e-mails consecutivamente para o cliente, as tentativas precisam ser espaçadas.

Claro que tudo vai depender se o cliente realmente está disposto a concluir a venda e prosseguir com o atendimento, por isso é importante saber aplicar o gatilho de compromisso e coerência.

Você e o cliente precisam entender a próxima etapa, pelo que vocês vão passar, e pra isso ele precisa dizer o quanto ele precisa que dure.

O vídeo dessa semana do Toca o Sino das Vendas falou um pouco mais sobre esse bloqueio criado pelo cliente. Não se esqueça de clicar aqui e se inscrever em nosso canal, para ficar por dentro de todas as novidades que postamos lá.

Você a newsletter do Kayuá?

Se você já acompanha nosso blog ou canal há algum tempo sabe que o Kayuá é figurinha carimbada por aqui.

O cara é fera em tudo que se propõe a fazer, e desta vez ele resolveu sair um pouco da sua zona de conforto e compartilhar seu conhecimento em um canal exclusivo!

Ficou interessado?