Um papo sincerão sobre vendas serem fáceis

Um papo sincerão sobre vendas serem fáceis

Esse papo de que vendas é extremamente fácil é balela. Não há padrões. É clichê essa coisa de que “vender é uma arte”. Pode até caber na boca de um professor de universidade, de palestrantes de palco empolgados, mas quem está no dia-dia sabe que até vender um objeto pelo OLX pode demandar complexidade.

Todo profissional comercial vende lidando com** a relação tríade entre o cliente, o profissional de vendas e o produto ou serviço.** Dizendo assim, teoricamente, parece tudo muito perfeito, não é?

A verdade é que é cada vez mais complexo entender quem são os clientes, o que eles desejam e como o profissional de vendas deve apresentar-se diante deles para mostrar todo seu arsenal de soluções.

Sejamos sinceros. Na hora de estabelecer uma metodologia comercial, ficamos completamente perdidos. No final das contas, temos que realmente aprender na raça como fazer o cliente ficar interessado, como gerar nele a sensação de necessidade e também como mantê-lo contente depois da venda. E isso realmente não é fácil.

Encontrar clientes é uma tarefa árdua, mas garantir vida longa aos negócios deve também ser uma preocupação prioritária de todos no comercial.

O dom natural da venda é real?

É claro que muita gente tem muita afinidade em desenvolver uma parte comercial e outros tornam-se altamente preparados com o tempo. Nem todos nasceram para encantar pessoas.

Não importa se o produto é um bem de consumo durável ou um serviço de contratação periódico, alguns profissionais tem sempre aquela sensibilidade de trazer ao cliente uma maneira de gerar benefícios a ele ou expor determinadas facilidades adicionais que convertem.

O vendedor com a habilidade de fisgar o consumidor por todos os lados tem um perfil diferenciado. Ele oferece vantagens inevitáveis, gera uma empatia improvisada com determinada situação, demonstra garantias que transformam traumas em seguranças, compromete-se em realizar uma entrega no prazo e dentro das expectativas viáveis ou é capaz de realizar um suporte de pós-venda que estende mais ainda a experiência do cliente também com a marca.

Esse profissional não só domina técnicas de venda, como sabe ter uma boa postura, mantém a educação e a vontade do cliente de saber mais sobre aquilo, por isso trazem os melhores resultados possíveis. A venda é um mix de habilidades, técnicas e percepções.

Como planejar uma time de vendas capaz de lucrar mais?

Eu comecei o texto dizendo que não há padrões. Não há grandes fórmulas para máquinas de vendas, mas existem recomendações que pode ser importantes e que precisam estar no radar de todos no setor de vendas.

É fundamental, inicialmente, ser capaz de montar um planejamento de vendas, isto é, saber exatamente o que pode acontecer dentro de uma operação. Ser capaz de antecipar situações possíveis. Ter uma consistência em adiantar algumas ocasiões recorrentes pode ser fundamental para manter a empresa inovando, lucrativa e saudável.

Para isso, é preciso entender como é a melhor maneira de colocar produtos no mercado antes do seu lançamento oficial, rastrear com inteligência perceptiva quem é o público alvo que pode ser interessado, e alinhado a isso, também haver um esforço em nivelar o perfil do vendedor a este público para que possa ser capaz de atender de maneira personalizável.

Mayday! Vale chamar reforços?

Desde que seja viável dentro da sua realidade, você pode ter um responsável experiente pela gerência de vendas. Aquele profissional fundamental não só para desenvolver a maturidade comercial, mas para ajudar na tomada de decisões importantes.

Será alguém capaz de analisar com cuidado a situação interna e externa da empresa diante do esforço do seu time, ser capaz de ter um olhar mais detalhado para o que acontece no seu mercado. É ele que será o responsável por tomar providências em situações críticas e também conduzir o trabalho dos vendedores.

Se você está no escuro frente a sua operação comercial, existe grande chance de você estar colocando esforços em algo que não precisa ou até mesmo deixando de dar atenção ao que realmente importa. Tenha em mente que o levantamento de dados, sejam eles comerciais ou de desempenho de equipe você está desperdiçando um potencial que gera a percepção dos fatores de eficiência e com isso, está afetando também o planejamento da equipe e a definição clara de objetivos e metas.

Não despreze informações importantes

A preparação do seu vendedor depende totalmente dessa leitura fina que informações precisas podem lhe oferecer.Como será possível formar uma equipe de sucesso se você não for capaz de traçar um perfil de vendedor ideal para seu produto e para seu mercado? Não só para gerir talentos, mas para contratar novos profissionais precisará de calma e conhecimentos mais apurados de como está nossa operação.

É claro que na hora de formar times, precisamos levar em conta as experiências anteriores, ou os custo adicionais que esta decisão irá gerar, mas** para a gestão inteligente o conhecimento sobre seus o índices da sua empresa como todo ou de cada área** é o que te dará uma resposta mais precisa sobre sua necessidade.

Além disso, fazer esse trabalho de conquistar uma visão mais completa te trará maneiras mais efetivas de reter a equipe e mantê-la motivada.Acompanhar de perto o trabalho dos vendedores, ser capaz de dar feedbacks frequentes e conseguir transmitir em conversar e trocar experiências a cultura da empresa trará melhoria constante e mais engajamento.

O que está além das competências?

Não basta ter um bom currículo ou ser altamente capacitado para se tornar um vendedor ideal. Equipe de sucesso pressupõe membros com a disciplina para entender processos, com grande habilidade de comunicação com os mais diversos públicos, ter a criatividade de colocar-se e sair de diversas situações.

Além disso, tem que ter a capacidade sensitiva de investigar e entender o interesse real do cliente, uma forte aptidão em adaptar-se, ter a perícia de criar empatia, possuir uma facilidade em cultivar networking e quase como uma teimosia** ser capaz de apanhar de todos os lados e sair ileso.**

Um excelente vendedor não pode ser aquele cara que vive em um mundo orbitando em volta dele. Uma das coisa mais importantes para uma estratégia de vendas é contar com pessoas, dados, gestores e auxílio de setores-chaves da empresa.

O mais comum aliado são os responsáveis pela estratégia de marketing. Sabemos que o marketing é cada vez mais indispensável para empresas fecharem negócios. A empresa competitiva é uma empresa que exige competências, mas consegue respeitar e valorizar distintas habilitações e transformar numa somatória de forças.

É igualmente importante trabalhar de maneira conjunta com os setores administrativos, financeiros, de gestão de pessoas e também os operacionais. Manter a consciência de que o crescimento em vendas só é possível como consequência de diversas competências técnicas e pessoais é o que gera realmente vendas reais.

Espero que esse papo sério tenha te dado muitos insights. O que mais você gostaria de contribuir com essa temática. Comenta ai.