Clientes inativos: saiba como recuperá-los com e-mails práticos

Talita Bernardes

por Talita Bernardes

Ninguém gosta de ter clientes inativos, já que isso significa que algo ocorreu para que eles deixassem sua base.

Entretanto, o que é um problema para muitos pode se tornar oportunidades quando se aprende a recuperá-los e criar estratégias para que eles voltem para sua base de clientes.

Não é fácil e pode demandar esforços e dedicação da sua equipe de vendas, mas sem dúvidas o resultado final é satisfatório, criando clientes ainda mais fiéis para sua empresa.

Quer saber como? Criamos um conteúdo com várias dicas para você e uma lista com exemplos de email para clientes inativos. Confira!

  1. Por que é importante entrar em contato com clientes inativos?
  2. Quando entrar em contato com clientes inativos? 
  3. 4 dicas para recuperar clientes inativos
  4. 6 exemplos de email para clientes inativos
  5. Só existe relacionamento com contato registrado

Por que é importante entrar em contato com clientes inativos?

O cliente inativo, isto é, aquele consumidor que em um determinado momento estava em sua base, mas por algum motivo acabou cancelando ou parando de comprar, pode ser sua porta de entrada para novas vendas.

Muitas vezes as razões que levaram esses clientes a desistirem anteriormente não são mais cabíveis para a atualidade, e pode ser que entrar em contato com eles reacende a necessidade do seu produto/serviço. 

Entrar em contato com clientes inativos também é uma chance de melhorar o que talvez tenha dado errado da última vez.

Além de ser capaz de promover um aumento nas vendas, já que se estará entrando em contato com clientes em potencial, a fidelidade e a qualidade da sua base pode se tornar ainda mais forte. 

Isso porque apesar desses clientes inativos se tornarem novos leads e precisarem da mesma atenção e esforços, eles tecnicamente já estão mais qualificados do que os restantes e tem uma experiência com a solução, logo eles entendem como podemos ajudá-los com as suas próprias dores.

Mas não só o investimento de tempo e dinheiro realizado pela empresa para atrair esses clientes inativos é usualmente mais baixo, logo o ROI será mais alto.

Quando entrar em contato com clientes inativos?

Não existe exatamente uma data em que você deve entrar em contato com o cliente inativo. No entanto, existem situações que podem fazer com que isso seja proveitoso.

Você deve analisar sua empresa e suas vendas e entender se existe a estrutura necessária para recuperar esses clientes, visto que, eles provavelmente tinham um déficit que não foi atendido, logo, para recuperá-lo é extremamente importante que essa e novas demandas sejam atendidas.

Sendo assim, o momento certo de entrar em contato com seus clientes inativos é  quando se entende que se tem o necessário para suprir as necessidades do mesmo e o entendimento de que o negócio pode ser algo bom para ele e para a empresa. 

6 dicas para recuperar clientes inativos

1. Estude quem são os seus clientes inativos

Para recuperar os seus clientes perdidos, você realmente tem que entender o motivo pelos quais eles estão inativos.

Vá até o seu CRM ou rastreie seus clientes para ver o possível motivo da inatividade deles.

Caso exista algo registrado, é interessante categorizá-los em grupos diferentes. Desta forma é possível entender quais estratégias podem ser aplicadas e o que pode ser oferecido para que ele volte para a sua base de clientes.

O principal objetivo dessa etapa é conhecê-los e entender o que pode ser feito para que eles voltem a fazer negócio. 

2. Defina uma ordem de prioridade

Depois de ter uma ideia de quantos clientes inativos você tem, crie uma ordem priorizando quem você gostaria de falar primeiro.

É importante se atentar ao timing e a necessidade que eles tem, pode ser que existem clientes inativos com uma possível emergência ainda não atendida, e que agora você pode ajudá-lo, sendo assim entrar em contato com ele primeiro aumenta suas chances de recuperá-los.

Seja qual for o caso, você deseja definir a ordem de quem você vai entrar em contato. Isso torna mais fácil para você planejar e para sua equipe se comunicar.

3. Crie um processo de como você gostaria de prosseguir

Ter um planejamento é uma parte crucial para redirecionar seus clientes inativos para o caminho certo.

Determine o que você pode oferecer para os seus clientes inativos para que eles voltem  a se envolver com você. Vai ser um download gratuito com informações valiosas? Talvez um produto ou serviço com desconto? Ou possivelmente um convite para um evento especial que você está organizando? 

Pode ser que o seu cliente não precise de nada do que está listado anteriormente, mas sim uma nova funcionalidade ou algo semelhante. E é por isso que o planejamento faz toda a diferença.

Independente de qual for a proposta, é importante que esteja planejado de acordo com as necessidades dele.

4. Se reconecte aos poucos

Após planejar e entender quem são os clientes inativos e o que pode ser feito para recuperá-los, é importante traçar uma estratégia de reconexão.

Não basta apenas enviar uma mensagem propondo um negócio.

A partir do momento que um cliente não faz mais parte de sua base e você volta a contatá-lo, o status dele passa a ser de lead, logo é importante seguir todas as etapas essenciais para conquistar e qualificar seus leads.

A chave é entender seus objetivos, logo conhecer seu processo, ser paciente e trabalhar no processo com a confiança de que realizará o que deseja se torna mais fácil.

5. Registre todas as etapas

Conforme você trabalha em seu processo, instrua sua equipe para documentar o que acontece. 

Registrar cada etapa do processo te ajuda, e ajuda o seu time a entender o que está funcionando. Todas essas informações o ajudarão a melhorar seus processos gerais para que possa se tornar um profissional de marketing melhor.

6 exemplos de email para clientes inativos 

Modelo de referência #1

Olá [Nome do cliente],

Já faz algum tempo que não conversamos, não é? Bem, como sabe, valorizamos nossas relações com pessoas e como podemos ajudar. E não só isso, mas prezamos realmente por suprir as necessidades fundamentais do mercado de [seu ramo] desde que inauguramos em [ano].

Verifiquei que você havia demonstrado interesse antes em entender um pouco mais sobre [seu produto ou serviço] há alguns meses atrás. Caso tenha solucionado sua dificuldade de alguma forma, ficamos contentes por isso. 

Agora, se ainda tem problemas com [cite dores dos clientes], gostaria de ter uma oportunidade de apresentar novamente as nossas soluções e recuperar a conversa sobre como atendê-lo melhor.

Queria mesmo ter uma conversa sobre sua realidade, entender melhor sobre suas demandas, e oferecer uma oportunidade de auxiliá-lo com tudo isso. Estou lhe enviando este e-mail porque acredito mesmo que nossos produtos podem atender às suas necessidades de todas as formas.

O que me diz de marcar um bate-papo rápido via [uma call de vídeo, uma ligação por telefone, um e-mail ou uma reunião presencial] para que eu possa ouvir de você sobre seus desafios futuros?

Aguardo seu contato para que possamos encontrar juntos novas soluções rentáveis para seu negócio.

Modelo de referência #2

Olá [Nome do cliente],

Eu sei que não conversamos desde [data da última conversa registrada] mas desde lá tem muitas novidades para te contar. Pode ser que você estivesse tão ocupado que inadvertidamente não conseguimos mais contato para reordenar nossas conversas, não é?

Bem, muitas coisas aconteceram desde lá. Sempre estamos pensando em como podemos oferecer um excelente serviço aos nossos clientes e como isso é muito importante para nós.

Por isso, como identificamos que você tem realmente fit com nosso mercado, estou restabelecendo o nosso relacionamento comercial para tentar finalmente te ajudar com as demandas que possam ter surgido depois do nosso último contato.

Será que existe um tempo hábil na sua agenda para que possamos nos encontrar e discutir essas suas novas preocupações? Se preferir, posso te ligar em um horário conveniente para você e novamente conversarmos sobre o mercado.  

Você sabia que [elencar novidades sobre produtos, sobre lançamentos, sobre mercado, e notícias da empresa]?

Considere apresentar-se às novidades em produtos e serviços de qualidade que estão surgindo. Eu prometo que o cafezinho é por minha conta. 

Espero sua resposta.

Modelo de referência #3

Olá [Nome do cliente],

Faz algum tempo que entrei em contato contigo pela última vez, não é? Estamos revisitando pessoas que identificamos que tem um grande potencial para crescer dentro do mercado e que gostaríamos de atender com suas necessidades no que se refere [seu mercado].

Fiquei pensando na nossa última conversa, na qual você me disse [resgatar informações importantes registradas no CRM], e gostaria de saber se você ainda tem essa dificuldade  e como posso te ajudar com ela. Além do mais, queria também entender se existe algo novo que possa ter surgido e que eu consiga lhe atender.

Será que existe alguma maneira de melhor apresentar nossas soluções para você? Estamos cientes de que, nem todas as empresas de [cite o ramo dela] tem interesse em obter resultados conosco, mas como conversamos anteriormente, penso que talvez possamos tomar medidas para garantir que você tenha resultados diferentes dos que anda tendo - mais rentáveis, promissoras e sustentáveis.

Quero entender mais sua realidade. Gostaria de marcar uma [call, ligação, visita] para saber se podemos realizar alguma coisa juntos diante dos desafios desse mercado. Incluí meus contatos ao final deste e-mail para que possamos marcar essa oportunidade. 

Aguardo sua resposta.

Modelo de referência #4

Olá [nome],

Conversamos sobre o [o que foi conversado] em [data]. Estou entrando em contato para ver se você conseguiu [realizar ou resolver o projeto/ problema/solução]. Há alguma atualização sobre isso? Ou algo em que eu possa estar te ajudando?

Atenciosamente,

[seu nome].

Modelo de referência #5

Oi [nome do cliente],

Sou o [seu nome] da [nome da empresa]. Você ainda se lembra de mim?

Conversamos há algum tempo atrás sobre a [nome da solução e problema que cliente estava enfrentando]. 

Quando conversamos infelizmente não pude corresponder às suas demandas, mas desde então estamos trabalhando ainda mais para atender a necessidade do nosso público.

Gostaria de te apresentar algumas novidades e entender se ainda existe fit.

Podemos agendar uma reunião?

Aguardo sua resposta!

Modelo de referência #6

Olá [nome],

Se você assim como eu fica ocupado e então decide deixar algumas coisas em segundo plano, pode ser que o que eu tenho para te dizer possa te interessar.

Por volta de [data], você entrou em contato conosco sobre [propósito do e-mail original] para [nome da empresa]. Infelizmente o negócio não deu certo naquele momento, mas acredito que com as mudanças e inovações que realizamos, sua dificuldade será atendida.

Não vamos a lugar nenhum, então estaremos aqui se você precisar de nós e se alguma coisa no projeto mudar, terei o prazer de ligar para você para discutir os novos detalhes. 

Aguardo sua resposta!

Só existe relacionamento com contato registrado

É claro que para que seja possível retomar um relacionamento com antigos clientes você precisa ter gerado e registrado dados sobre ele. 

Armazenar ativamente informações sobre interessados é o primeiro passo para que no futuro tenha-se uma oportunidade de fazer uma nova interação com ele .

Conectar-se com as pessoas e capturar de forma inteligente os e-mails, números,  dos clientes é também um jeito de simplificar tarefas para que você possa fazer um acompanhamento de leads mais efetivo. Tenha sempre em mãos um gatilho para recuperar a conexão com pessoas.

Quando existe um CRM que pode te fornecer tudo isso, você pode desenvolver uma inteligência que gera insights instantâneos de rapport e comunicação mais efetiva. Faça um teste no Moskit CRM e conquiste uma nova maneira de organizar, registrar e aproveitar os dados de clientes para gerar novos negócios.

Compartilhe esse publicação

Compartilhar no twitter Twitter Compartilhar no facebook Facebook Compartilhar no Whatsapp Whatsapp
Também em Blog Moskit