O que é networking e qual a sua importância

O que é networking e qual a sua importância

No mundo empresarial, ter contatos é fundamental. Quem não cultiva relacionamentos profissionais, pode estar deixando passar oportunidades de fechar grandes negócios.

Construir um networking pode ser um catalisador para te fazer chegar cada vez mais longe dentro da sua área.

Se você ainda não sabe o que é networking e como essa estratégia pode te ajudar, não se preocupe, pois vamos te explicar agora mesmo.

Networking: o que é e para que serve

O Networking, ou como é mais conhecido aqui no Brasil, redes de contatos, é uma estratégia que visa estreitar laços profissionais a partir da criação e manutenção de uma rede em que trocas de conhecimento, experiências e informações acontecem.

Essa rede não precisa ser restrita a grandes nomes da sua área, ela pode abranger os mais variados perfis, desde que exista um interesse em comum que possa ser explorado por ambas as partes.

O networking agrega qualidade em todos seus processos, e só essa constatação já é o bastante para investir em um bom networking. Isso porque ele não está ligado a quantidade de pessoas que você conhece, mas sim t em quem você conhece.

Qual a importância de se fazer networking?

As trocas que acontecem por intermédio do networking são extremamente importantes, pois permitem que novos caminhos profissionais se abram para você, aumentando suas chances de alcançar o sucesso no seu segmento. Elas ainda ajudam a incrementar seu currículo com boas indicações e te tornam bem mais propenso a ser indicado por alguém da sua rede em momentos decisivos da sua carreira.

Mas não é só o lado pessoal que sai ganhando, as dicas que se recebe do seu networking agregam mais conhecimento, garantindo que suas estratégias se tornem mais assertivas, te dando até uma visão melhor de como agir em certos casos.

Por exemplo, quando você está com um problema e não sabe como solucioná-lo, o seu networking pode funcionar como uma fonte de referência, pois de lá vão surgir soluções de pessoas que já passaram pelo mesmo, e essas ideias aprimoradas somam e muito.

Como fazer um bom networking? 6 dicas para aplicar já!

Agora que você já conhece alguns dos benefícios de um networking, chegou a hora de aprender dicas eficazes para construir o seu.

1 - Procure contatos que vão agregar no seu processo

O grande segredo para se ter um bom networking, está na qualidade dos seus contatos. Existem grandes networkings, cheios de pessoas, mas com baixo desempenho.

O primeiro passo para fazer um bom networking é identificar pessoas que podem ser inseridas na sua rede, que possuam os mesmos objetivos e interesses em comuns.

Existem estratégias em que a quantidade é mais importante, entretanto, esse não é um desses casos.

Ter um networking lotado, não significa que ele seja bom, pois podem ter pessoas em sua rede que não tem nada em comum com você, e não tem capacidade de agregar o suporte necessário, somando apenas mais um número.

Comece procurando em redes como Linkedin, Instagram e Facebook. Veja o que está rolando na sua área e que te chame a atenção, depois procure encontrar quem está na mesma vibe que você. Leia o que eles estão escrevendo, e se for aquilo que você busca, vá atrás dessa pessoa.

Eventos de network também são ótimas oportunidades para conhecer gente nova, uma vantagem muito grande em participar desse tipo de ação empresarial, é você, da mesma forma, tem uma chance de vender o seu peixe e despertar o interesse de alguém. Ah, e não se esqueça de levar seu cartão de visitas, ele é o principal canal para futuras relações.

Aqui no blog do Moskit CRM temos um post que falamos sobre como vender e se portar em ocasiões como essas, recomendamos que você dê uma olhadinha, quem sabe alguma das dicas pode ter dar uma ajudinha: Dicas para vender mais em eventos.

2 - Análise e ativação de contatos

Conforme você for encontrando pessoas que se qualificam de acordo com aquilo que você está procurando, é preciso investir pesado neles para inseri-los em sua rede. Sendo assim, é preciso ativar esses contatos.

A ativação pode ocorrer de forma presencial, com encontros casuais/pontuais, e/ou virtualmente, através de conexões nas redes sociais, ligações,

Em ambos os casos, é crucial que você se apresente, fale mais sobre quem você é, com o que trabalha e como essa comunicação entre vocês pode se estabelecer.

3 - Atualize suas redes

Depois de ir ativamente atrás daqueles contatos que mais o interessou, é preciso produzir conteúdos interessantes, para que eles vejam que você pode ser um bom aliado para o networking deles.

O Linkedin está bombando e, ter um material interessante para compartilhar, pode abrir até mesmo novas oportunidades de networking.

A construção do seu perfil nas redes precisa se atentar a alguns conceitos básicos, como coerência, estética e facilidade de acesso para o visitante, caso seja um blog.

E não se esqueça de compartilhar informações sobre o que está acontecendo, isso desperta um interesse genuíno em conhecer mais sobre você. Dessa forma, quando ocorrer algo importante o suficiente para ser compartilhado, não se esqueça de comunicar seu networking.

4  - Seja proativo

Durante a construção do seu networking, pode pintar alguns probleminhas com a galera que você quer inserir. Nesses momentos, se mostrar pronto para ajudar e aconselhar pode contar pontos positivos.

Mas não faça boas ações apenas para conquistar aquele contato, realmente se esforce para entregar o melhor, independentemente do resultado.

Essas pessoas não vão se esquecer que você foi útil e as ajudou em um momento de dificuldade.

5 - Continue em contato com seus ex-colegas

Durante nossa vida, cultivamos relacionamentos nos mais diversos ambientes, como faculdade, trabalho etc. Mas, com as mudanças de rotina, às vezes nos afastamos daquelas pessoas e eventualmente perdemos contatos que podem ser valiosos.

Então, se você trocar de empresa, não menospreze seus antigos colegas, mantenha um vínculo, pois um network pode surgir de relações mais antigas.

6 - Mantenha a comunicação

Não basta cultivar seu networking, esquecer que ele existe e procurá-lo somente em momentos que você precisa de ajuda.

É crucial que durante esses processo a comunicação se mantenha a mesma, sem perder o foco.

Fique sempre antenado nas atualizações de sua networking, comemore cada vitória deles, agradeça sempre que possível o apoio que estão te dando, marque encontros presenciais, um cafezinho pode ser o suficiente para colocar o papo em dia.

Seja fiel a você mesmo, que tudo dará certo

O networking é uma estratégia de comunicação, por isso é crucial que ela se mantenha durante todo o processo e que exista abertura de ambos os lados para explorar melhor as relações.

Ser fiel ao seu contato e a você mesmo é importante para não cair em contradições e perder o que poderia ser uma oportunidade grandiosa, pois, sem dúvidas, o networking é um excelente catalisador, que te ajuda a alcançar novos patamares em sua carreira e negócios.

E se você realmente acredita que isso vai te ajudar, leve nossas dicas em consideração na hora de criar o seu networking.

Ah, antes de nos despedirmos, não se esqueça de se inscrever em nossa Newsletter para receber conteúdos exclusivos do Moskit CRM.

Até a próxima!