Segredos para seu time remoto de vendas não falhar

Segredos para seu time remoto de vendas não falhar

Existe muita polêmica qunado é falamos sobre trabalho remoto, principalmente quando essa conversa envolve o time de vendas.

Amado por uns e odiado por outros, existem bons relatos de empresas que conseguiram seguir adiante migrando a operação para o trabalho remoto, mas também existem relatos de tentativas que não deram muito certo.

As vantagens do trabalho remoto são muitas, e a tentação de melhorar a qualidade de vida dos funcionários, reduzir custos internos e facilitar a vida de todos faz com que o trabalho remoto acabe valendo a tentativa.

Mas existe um ponto que pode transformar a qualidade da operação remota e evitar que o modelo acabe falhando: o fortalecimento de uma cultura interna.

Para que todas as peças encaixem existem pontos fortes da cultura empresarial que não podem ser negligênciados e todos devem fazer sua parte.

Compromisso de equipe

Quando todos acordam cedo e vão para o escritório, é fácil garantir que podemos tirar dúvidas e pedir ajuda quando alguma necessidade surgir. Mas quando as pessoas estão trabalhando remotamente, existem alguns incentivos que podem atrapalhar os horários.

É importante garantir que o horário de trabalho de todos estejam sincronizados e disponíveis ao mesmo tempo. Um dos maiores conflitos que um time home office pode enfrentar é o desencontro durante alguma necessidade.

Metas e objetivos claros

Agora que podemos contar com compromisos de todos, precisamos estabelecer metas e objetivos claros, para que todos os vendedores tenham uma direção para caiminhar.  

Diferente do papel das metas quando os vendedores trabalham todos no mesmo objetivo, no modelo remoto elas tem ainda mais forte o papel da motivação. A falta de contato físico pode reduzir a competitividade e distanciar o vendedor dos seus objetivos.

Crie metas e formas de verificar os resultados frequentemente.

Tenha uma ferramenta para comunicação

Existem muitas ferramentas de comunicação interna que podem ajudar no trabalho remoto. Uma das soluções mais comuns é o Slack, mas outras tão boas quanto estão disponíveis para serem utilizadas.

A cultura de utilizar um chat interno vai além das necessidades profissionais. Criar canais onde sejam discutidos elementos casuais do cotidiano ajuda na interação e faz com que os membros remotos sintam-se mais próximos.

Deixe seu time exagerar na comunicação

Como o papo bobo do cotidiano deixa de existir numa relação de trabalho remota, é importante encorajar que conversas casuais aconteçam nos canais de comunicação da empresa.

Não existe uma situação remota onde o time esteja integrado demais, é sempre bom que estejam conversando e se aproximando. A falta desse contato pode ser problemática para a saúde mental dos vendedores e para que exista o entendimento de que podem contar um com os outros.

Isso vale para troca de piadas, memes, vídeos ou música. Comentários sobre o dia, sobre os clientes e as vendas que estão prestes a ser fechadas. Tudo pode e deve se tornar um motivo de interação quando o time não se encontra físicamente.

Tenha uma ferramenta para controle de vendas

Um CRM é a espinha dorsal que vai manter a equipe de vendas unida remotamente.

Tudo o que acontecer deve ser inserido e atualizado no CRM.

Sem uma boa ferramenta para gestão de relacionamento é impossível controlar metas e indicadores com clareza, perdendo de vista não apenas os resultados das vendas mas os indicadores de produtividade de cada vendedor.

Se você ainda não trabalha com CRM, mas quer estabelecer uma equipe de vendas remota, teste agora mesmo o Moskit e entenda porque a forma mais inteligente de manter uma equipe de vendas produtiva é adotando uma boa ferramenta.