<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=230488125300927&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Aprenda a driblar o estresse em vendas

Talita Bernardes

por Talita Bernardes

Planejar, analisar, organizar, conferir nos dá a ilusão de estar no controle total dos acontecimentos e nos convence de que tudo correrá de acordo com nossos planos.

Mas quando algo dá errado, começamos a nos preocupar, sentimos ansiedade e tensão, nos sentimos estressados ​​e frustrados porque os acontecimentos estão fora de nosso controle.

Dormimos pouco e mal, sentimo-nos cansados ​​e estressados, e não ajuda o fato de os clientes serem cada vez mais imprevisíveis e as previsões de vendas mudarem de uma hora para outra. 

Quem não conhece a ansiedade de venda? O estresse de vendas hoje está tão presente em nossa vida profissional que a única maneira de superá-lo é aprender a conviver com ele e a administrá-lo. Vamos ver como:

Aceite a incerteza do mercado

O mercado de vendas pode ser muito incerto.

Trabalhar com vendas é estar suscetível a diversos fatores externos que não podem ser controlados, ou previstos. E até mesmo os que pensamos que podemos controlar, como compromissos com os clientes, são incertos.

Compromissos cancelados, novidades de mercado e crises (sim, elas podem acontecer de uma hora para outra), tudo isso são fatores para incerteza e estresse.

Pare de tentar controlar situações que você não pode controlar. Não faça isso, só vai lhe trazer ansiedade e frustração

Vivemos tempos complexos e incertos, por mais que você possa se organizar e planejar, sempre haverá imprevistos, compromissos cancelados, atrasos, emergências e mudanças de planos.

Não desperdice sua energia e habilidades com coisas e fatos que não dependem de você. Administre o que você pode, não reclame nem desanime, aceite a realidade e foque apenas nas próximas ações a serem tomadas.

Tente ser um pouco mais flexível e organizar o seu dia de maneira que exista a possibilidade para flexibilidade, e não de uma forma maníaca e detalhada.

Aceitar a imprevisibilidade dos clientes e a incerteza do momento não significa que se tornou inconsciente, resignado ou irresponsável, ignorando tudo ao seu redor.

Significa que você escolheu tomar consciência de que nem tudo pode ser controlado, e tentar fazer isso é prejudicial. 

Não foque apenas em números

Não se concentre muito nos números se não quiser sentir o estresse das vendas.

Apesar de serem indicadores importantes, focar apenas neles sem dúvidas causará estresse. Como já mencionado, o mercado pode mudar radicalmente e afetar os números.

Se você não olhar para outros fatores, sem dúvidas o estresse irá tomar conta. 

Os números são um dos indicadores que são geradores de estresse e pensamentos negativos, capazes de fazer você viver constantemente em estado de alerta e criar constantemente ansiedade subjacente e estresse de vendas.

Uma saída para que esses números não sejam ignorados, mas sim analisados de maneira saudável é tirar meia hora pela manhã, por exemplo, para analisá-los e refletir sobre o que pode ser feito.

Quando não for estritamente necessário, não pare desnecessariamente para refletir sobre os números e não fique saturado com informações inúteis: você só precisa coletar apenas os dados estritamente necessários.

Invista em capacitação e treinamento

Muitas vezes o que está causando estresse e incerteza em você, é a falta de conhecimento sobre um determinado assunto.

Quando não conhecemos algo, e temos que lidar com ele, é provável que o estresse e ansiedade seja desencadeado. Por isso, sempre tente saber o máximo possível sobre o assunto.

Não há dúvida de que o mercado está mudando, e se o mercado está mudando, o cliente está mudando também... e você, você está se adaptando?

É necessário conhecer as novas dinâmicas de compra, comunicação e a forma mais eficaz de vender e propor serviços ou produtos.

Invista no seu treinamento! Apenas se esforçar para melhorar suas habilidades fará com que você se sinta mais dinâmico, proativo e afugentará pensamentos negativos.

Aprenda a desconectar

Recuperar as energias, e abstrair os pensamentos negativos em momentos como esses, são cruciais para que o estresse não se torne uma constante.

Aprenda a desligar a partir do momento em que seu turno de trabalho termina.

Coma alimentos saudáveis, beba muita água, se cuide e encontre um hobby. Faça tudo em seu tempo livre, só não foque em vendas ou números.

Além de distraí-lo de pensamentos desnecessários, essas atividades ativam a produção de substâncias benéficas para o corpo e a mente.

Pode parecer difícil no início, mas vale a pena tentar. 

Invista em uma boa ferramenta de vendas

 Quando não existe uma ordem e tudo é bagunçado, as chances desse profissional se tornar vítima de estresse no ambiente de trabalho são altas.

O vendedor, por exemplo, tem um excelente aliado nesse quesito: o CRM.

O Moskit CRM, além de promover um aumento da produtividade, é uma ferramenta que permite que ele se organize de acordo com suas atividades, permitindo o acompanhamento e registro de informações.

Isso faz com que o representante de vendas consiga ter mais controle sobre as operações, evitando que pequenos detalhes causem estresse.

Quer saber mais? Clique aqui e faça um teste gratuito em nossa ferramenta.

Compartilhe esse publicação

Compartilhar no twitter Twitter Compartilhar no facebook Facebook Compartilhar no Whatsapp Whatsapp
Também em Blog Moskit