As oportunidades de vender no Instagram

As oportunidades de vender no Instagram

Faz algum tempo que abordamos o WhatsApp como uma promissora fonte de oportunidades. Para quem trabalha com vendas, independente de qualquer coisa, o Whatsapp se tornou uma ferramenta para ser adotada e explorada pelos vendedores.

Mas outra ferramenta moderna está assumindo uma posição vantajosa para quem trabalha com vendas, o Instagram.

Por ser uma ferramenta muito visual, o Instagram traz diversas vantagens em relação aos outros canais de vendas, já que a capacidade de usar imagens e vídeos é facilitada e pode despertar emoções e impulsos.

Sua timeline deve contar uma história

Por mais que exista uma grande liberdade de uso, é preciso usar a timeline com uma certa estratégia.

O comum ao pensar no Instagram como uma ferramenta de vendas, é organizar as imagens como se fosse um portfólio, um mostruário de produtos e descrições que as pessoas interessadas poderão entrar em contato para adquirir.

Mas isso é bem pouco eficiente.

As fotos da timeline, antes de representar o produto, devem representar a sensação de usar o produto. Uma foto isolada de um tênis numa vitrine pode apresentar um bom produto, mas uma foto de alguém correndo com o calçado transfere a emoção de realização.

Quem está vendo a foto acaba se projetando na imagem.

Mesmo se seu modelo de vendas não for para o usuário direto, B2C, é possível utilizar imagens que remetam ao mercado que atende, ao estilo de vida das pessoas que podem se beneficiar com o produto e nos problemas que essas pessoas enfrentam diariamente.

O importante é que a timeline seja uma porta de conexão emocional com seu possível cliente.

Use o stories para conversar e se conectar

Os stories do Instagram podem ser utilizado para imagens e vídeos, mas existe uma forma bem eficiente de transformar seus seguidores em novos clientes.

A forma mais eficiente para isso é fazendo vídeos que apresentem produtos, que falem mais sobre a necessidade que você está tentando solucionar ou até mesmo, em caso de um um negócio que trabalhe com vários produtos, fazer vídeos explicando diferenças e contrapontos.

O importante é lembrar que quando alguém acessa o Instagram, e isso serve para nós mesmos, nosso objetivo é nos entreter e buscar algum tipo de diversão. Mesmo que o seu objetivo seja vender, é importante que faça isso entregando algum tipo de diversão para quem acessa seu conteúdo, caso contrário não existirá incentivos para continuar acompanhando o que você está anunciando.

Cuide das interações

Agora que o Instagram virou uma ferramenta de vendas, é importante saber que os clientes interessados vão fazer perguntas nas postagens e enviar mensagens privadas com interesse no produto.

Neste ponto, o timing para responder e apresentar sugestões e encaminhar o cliente para a jornada de compra é crucial. Por isso, é importante ter sempre alguém de olho e ativamente respondendo aos pedidos e dúvidas.

Neste ponto, a entrada dos usuários deve caminhar para o fluxo normal. No caso de vendas direta, pode ser encaminhado para o site ou para a plataforma de pagamento, no caso de produtos mais complexos, um consultor de vendas pode assumir o contato através do telefone e dar continuidade.

O importante é tratar essas interações como uma oportunidade.

É fácil perder o controle

O maior problema de utilizar o Instagram como ferramenta para vendas é a facilidade de perder o controle do que está acontecendo. A organização dos contatos do Instagram é ruim, e com um fluxo grande de mensagens acaba sendo muito difícil localizar interações mais antigas.

É por isso que, independente da ferramenta que está utilizando para apoiar seu processo de vendas, manter todos os dados atualizados dentro do CRM acaba sendo essencial. Quando qualquer lead levantar a mão no instagram, o contato deve ser criado dentro do CRM e o processo deve ser constantemente atualizado.

Se você ainda não usa um CRM e não entende a importância de manter os contatos organizados, faça um teste grátis no Moskit e comprove você mesmo.