Como evitar que a cultura de uma empresa seja uma merda

Como evitar que a cultura de uma empresa seja uma merda

Nada é mais importante para as pessoas hoje do que trabalhar num lugar que soma a suas características e que faz sentido para elas. Obviamente que nem todos os postos de trabalho conseguem ser ideais para todas as pessoas, mas é cada vez mais evidente que a cultura da empresa é parte integrante do sucesso do negócio.

Toda a questão da gestão, seja do próprio negócio como das pessoas que sustentam e constroem uma empresa passa pela cultura que esta companhia demonstra ter. É somente a cultura que afeta quase todos os aspectos de uma empresa. Sejam eles positivos ou negativos.

O cuidado vale desde os processos de recrutamento sendo cauteloso para expor como faz a sua aquisição de talentos até como podemos perceber a satisfação dos funcionários. O modelo de trabalho de uma empresa é a espinha dorsal de uma força de trabalho feliz.

Não basta ser legalzinho

Tendo dito isso, alguns ponteiros disso tudo precisam ser acertados. Nem toda a cultura corporativa precisa ser apenas focada em funcionários para ser considerada positiva. O que faz de uma cultura um sucesso é justamente a união entre funcionários, gestores e o alto escalão de uma empresa no esforço mútuo para encontrar o valor real do que fazem.

Da mesma maneira que uma cultura saudável pode se tornar uma força extra, uma cultura que simplesmente não caminha com alinhamento de sentidos, objetivos e resultados pode trazer consigo consequências negativas para todos.

A gente sabe que existem diversos níveis e fases de gestão e que para empresas gigantescas esse controle é um pouco mais difícil de fazer do que em empresas com pouco quadro de funcionários. Alguns fatores precisam estar bem acertados para que haja realmente uma cultura corporativa forte.

Por isso, uma parte importante do sucesso de um negócio é como as pessoas são tratadas. Nesse sentido, gestores precisam estar sempre de olho em alguns quesitos.

Uma cultura de recrutamento show!

Processos seletivos são sempre uma tensão. Não só para candidatos que enfrentam uma série de exames, mas para a empresa também que tem o compromisso de ser o mais assertivo possível na escolha.

Normalmente,  equipes de RH concordam que uma cultura empresarial sólida  é uma das melhores maneiras de atrair funcionários em potencial, mas mesmo assim, se complicam na hora de sair dos formalismos.

Uma das questões mais importantes sobre isso é entender que uma cultura positiva confere à organização uma vantagem competitiva diante do mercado e diante das pessoas. Lembro que quando surgiu empresas com culturas fora do tradicionalismo, muita gente sonhava em trabalhar nessas empresas sem mesmo avaliar qual seria o trabalho direito.

Todo mundo quer trabalhar para empresas que não só tem uma boa reputação, mas que  atraia um tipo de talento que valoriza a sua experiência ali e  está disposto a tornar seu trabalho mais rentável e saudável.

Trabalhar a cultura é criar lealdade

Qual é o seu emprego ideal? Já imaginou chegar em uma empresa onde as coisas funcionam conforme você também acredita? Já imaginou ter a liberdade de não ter que apenas conseguir coisas com política corporativa, mas por ter realmente um relacionamento com colegas?

Embora, ainda em muitos mercados não haja esse espaço pela alta competitividade, uma cultura positiva ajuda a acabar com a rotatividade fora da curva e retém os melhores talentos apenas pelo clima.

Quando estamos em uma cultura positiva que promove um senso de pertencimento e de até “poxa, tenho sorte de estar aqui” atingimos uma lealdade do empregado que não só o faz engajar mais, mas que o faz sentir-se inserido dentro dos processos com mais assertividade.

Cuidando do desempenho no trabalho

Uma cultura de convivência saudável não só facilita a interação social dos novos funcionários como também cria pontes de trabalho entre equipes e a comunicação mais aberta. Essa colaboração pode levar a resultados surpreendentes. Inclusive nos clientes. Uma equipe mais próxima, é uma equipe mais entrosada.

É impressionante perceber que em culturas fortes as taxas de produtividade são mais altas. E a razão é óbvia: Com funcionários mais satisfeitos,  eles tendem a ser mais motivados e dedicados porque sentem que seu bem-estar e felicidade estão atreladas a suas tarefas.

Além disso,  olhar por este lado é investir na moral dos funcionários. Manter esse clima divertido sem retirar a responsabilidade é uma maneira garantida de fazer pessoas sentirem-se mais confiantes e valorizadas para realizar o seu trabalho em ambientes mais promissores.

Menos estresse, na medida do possível, por favor

Não estou falando daquelas pessoas que naturalmente são agitadas e que podem causar um caos na vida das pessoas, mas sim daquele estresse que se alastra por toda a empresa como um espírito que vai tomando conta.

Todos os postos têm seus pontos de estresse diários, mas certamente com uma cultura positiva a tendência é reduzir significativamente o estresse no local de trabalho.

É muito simples imaginar que empresas com uma forte ideia de que precisa manter as coisas mais saudáveis mentalmente tendem a ver empregados menos estressados.

Isso ajuda não só a melhorar a saúde de todos como também reflete em momentos mais descontraídos e consequentemente um desempenho no trabalho.

Uma cultura se constrói com organização

Para que possamos construir uma cultura de mais organização, controle, de cada um saber exatamente até onde pode ir e ter claro na sua mente cada passo da sua equipe e como pode contribuir para atingir resultados conjuntamente, é precisa dar um crédito a tecnologia.

Uma ótima cultura positiva precisa ​acreditar que um dos  ingredientes mais importante para o sucesso é aprender a organizar a casa conforme a necessidade do mercado.

Nesse sentido, promover esta realidade é oferecer aos funcionários a chance de aumentar seu rendimento, de avaliar-se com honestidade e de saber exatamente o que precisa investir na sua carreira.

Se você quer essa dimensão dentro do seu time, experimente trazer mais organização e rendimento para sua equipe experimentando gratuitamente o Moskit CRM.

Não dá mais para construir empresas sem que haja essa dimensão de uma cultura forte e positiva entre pessoas e negócios.