<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=230488125300927&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

20 dicas para uma gestão de equipes de sucesso

Talita Bernardes

por Talita Bernardes

Gestão de equipes é uma tarefa para poucos. 

Lidar com pessoas ao mesmo tempo em que se tem que trabalhar para alcançar as metas de sua estratégia é extremamente desafiador, e nem todos conseguem desempenhar todas essas tarefas.

Se você está enfrentando dificuldades em entender como realizar uma gestão de equipes de sucesso, esse conteúdo pode te ajudar.

Veja a seguir:

  1. Qual o papel de um gestor de equipe?
  2. Como fazer uma gestão de sucesso? 20 dicas para te ajudar
  3. Ferramentas para uma gestão de sucesso 

Qual o papel de um gestor de equipe?

O gestor de equipe é o principal elo entre a alta gestão e a equipe operacional.

Ele coordena o trabalho da equipe de acordo com as orientações de seus superiores, garantindo que os funcionários sob sua responsabilidade cumpram as instruções de trabalho. 

Gestão de vendas

Dependendo do ambiente profissional, ele verifica a correta aplicação das regras de segurança e implementação.

O gestor de equipes é essencial para garantir ótimas condições de trabalho

Sendo assim, o papel do gestor é coordenar e gerir as pessoas, o setor e as ações e estratégias que ficam a cargo dele.

Ele precisa ter a capacidade de entender que a realidade muda o tempo inteiro à sua volta e que ele precisa se desfazer de paradigmas que ele aprendeu a construir com o anos. 

Entender que há aliados que podem reduzir custos, melhorar desempenhos e até facilitar novas maneiras de interagir com clientes. 

20 dicas para uma gestão de sucesso   

Para te ajudar a entender melhor sobre o papel do gestor e a alcançar o sucesso em suas estratégias, separamos 20 dicas exclusivas para você.

1.  Crie dinâmicas para integrar a equipe

Boa parte de uma boa gestão depende de como o seu time está se comportando. Se não existe integração entre eles, as estratégias e ações pensadas para a equipe não conseguem fluir.

O desenvolvimento de dinâmicas que visam a integração do time é fundamental para criar uma harmonia entre os membros da equipe e fazer com que eles se conheçam melhor.

Através dessas dinâmicas é possível entender algumas particularidades, podendo então reformular as estratégias para que se adequem a todos, integrando de uma vez por todas a equipe.

2. Abra espaço para que o time tire dúvidas

A falta de abertura para que a equipe faça perguntas e tire dúvidas pode estar atrapalhando sua gestão de sucesso.

Por isso, sempre que possível mostre ao seu time que você está aberto para sanar possíveis dúvidas que eles possam vir a apresentar. 

3. Promova conversas individuais

É comum tratar o time como um conjunto e esquecer que existem individualidades que precisam ser pensadas. 

Conversar individualmente com seu time pode promover uma aproximação interessante. Ao se dispor para conhecer cada indivíduo, você está coletando informações úteis que vão contribuir para que você aja de acordo com o que eles estão precisando.

O tratamento individual também é importante para diferenciar cada membro da equipe, o que pode ser um grande trunfo para se aproximar mais do time e desenvolver ações mais estratégicas

4. Pesquise mais sobre gestão de equipes

Um bom gestor entende a importância de pesquisar e se atualizar referente às novidades de mercado no que se diz respeito à gestão.

Assim como surgem novidades para a sua área, diariamente novas estratégias e técnicas podem aparecer, e é importante se atentar para elas.

Pesquisar quais são as novidades da área de gestão é um hábito que pode melhorar a maneira com que você se relaciona com sua equipe, propondo dinâmicas assertivas, utilizando ferramentas e técnicas adequadas que se enquadram em uma gestão de sucesso.

5. Escute tudo o que o time tem a falar

O gestor para muitos é representado pela figura autoritária que não permite ser contrariado.

No entanto, sabemos que esse pensamento de gestão é ultrapassado e causa mais prejuízos do que ganhos no geral.

Sendo assim, abrir um espaço para uma troca de ideias em que você esteja realmente disposto a escutar o que eles têm a dizer, mesmo que seja criticas referente a algo relacionado a você. 

6. Aceite as ideias do time

Todos têm ideias, não só você.

Ao estar na linha de frente, sua equipe consegue muitas vezes ter uma percepção mais aguçada do que de fato pode ser realizado.

Abrir esse espaço para troca de ideias, além de fazer com que eles se sintam úteis, também possibilita um enriquecimento do setor.

7. Não force a barra

Como citado anteriormente, existe um estigma de que um bom líder é aquele carrasco, mas a verdade é que, quanto mais forçar a barra, menor será o respeito do time por você.

Procure ser compreensivo em relação às atitudes da equipe, e se precisar puxar a orelha, saiba escolher as palavras certas.

8. Não grite

Quase nunca quem fala mais alto acaba tendo razão e sendo ouvido.

Os gritos despertam tensão, estresse e falta de vontade de estar lá.

Ao se dirigir a sua equipe, utilize um tom de voz neutro e eficaz. Essa atitude gera confiança ao invés de sentimentos negativos. 

9. Use e abuse dos feedbacks 

Existe uma ferramenta extremamente poderosa na gestão: o feedback.

O feedback é o ato de retribuir ao colaborador todo o seu esforço apontando os pontos positivos e negativos da sua conduta, mas também abrindo espaço para que ele se manifeste.

10. Promova reuniões diferenciadas

Reunir-se com a equipe para trocar ideias e orientar a respeito das próximas etapas faz parte de uma das variáveis funções do gestor.

No entanto, é preciso cuidado até na maneira com que isso é feito.

Reuniões técnicas demais, em que só se fala e pouco se discute, podem causar o efeito contrário.

Promova reuniões mais leves, em que são discutidas as ações de maneira objetiva e sem ser massante. 

11. Participe ativamente do cotidiano da equipe

Existem muitos gestores que não estão nem aí para como sua equipe está se saindo, eles apenas repassam as ordens e esperam que eles cumpram.

Uma gestão de sucesso deve incluir a participação ativa do gestor.

Olhe para o seu time, acompanhe as atividades que eles estão realizando e lembre-se que apesar deles estarem na linha de frente, você é o responsável pelos resultados positivos ou negativos, uma vez que tudo deve passar pelas suas mãos.

O acompanhamento ativo também permite identificar pontos de conflitos que podem ser resolvidos. 

12. Saiba quando dizer sim ou não

O gestor precisa encontrar o equilíbrio perfeito, e para isso ele precisa entender quando dizer sim ou não.

Existem muitos gestores que acreditam que sempre devem dizer não a sua equipe, mas como já mencionamos, isso é um pensamento antiquado que não se adequa mais a uma gestão de sucesso.

Quando alguém do time apresentar uma ideia interessante, por exemplo, antes do primeiro instinto de dizer “não” aparecer, peça um tempo e analise com carinho.

Esse equilíbrio também leva um toque de sensatez para gestão, fazendo com que a equipe olhe para o gestor como uma pessoa que sabe equilibrar bem suas funções.

13. Busque novas formas de criar estratégias

Falamos anteriormente sobre a importância de pesquisar mais sobre gestão de equipe, no entanto esse não deve ser o único estudo que você deve realizar.

Analisar as estratégias e busca ativamente por novas, impossibilita que se caia na mesmice e os processos parem de rodar.

A sua própria equipe pode ser um desses canais, uma vez que, por estar em contato direto com as ações do setor, eles têm uma visão privilegiada sobre o que está acontecendo.

Novas estratégias fazem parte de uma gestão de equipes de sucesso, e não quer dizer que as antigas não funcionaram, mas sim que elas podem ser incrementadas.

14. Desenvolva um bom relacionamento com todos

Quando falamos de gestão, é comum focar apenas no bom relacionamento com o time. No entanto, como gestor você estará em contato com diversos setores e pessoas.

Sendo assim é fundamental desenvolver um bom relacionamento com todos.

Uma gestão de sucesso deve minimizar os pontos de conflito e maximizar o sucesso da equipe e do setor. 

Sempre que possível interaja com todos e mantenha um relacionamento saudável, afinal, nunca se sabe quando eles poderão ser úteis. 

15. Seja imparcial

Não existe nada pior do que um gestor parcial.

A parcialidade além de ser injusta com o time, pode prejudicar os resultados que a equipe apresenta, uma vez que as cobranças, por exemplo, são desproporcionais.

Sem contar que a parcialidade também ajuda a crescer a questão de favoritismo dentro do time, e isso impacta diretamente na produtividade.

É muito importante que você seja imparcial com sua equipe, pois só assim eles podem confiar que você está fazendo o melhor trabalho possível, sem ser injusto com nenhum deles.

16. Repasse as informações 

O time odeia ficar no escuro e ser pego de surpresa.

Como gestor é seu papel deixar toda a equipe ciente das ações que estão sendo executadas e das novidades da empresa que muitas vezes não chegam até eles.

Repassar informações evita que mal entendidos aconteçam, e até que um ambiente de fofoca e intrigas seja instaurado.

Algo que também precisa ser ressaltado é que ao ouvir as informações pela sua boca, a equipe ganha informações com credibilidade. 

17. Desenvolva metas pessoais e de equipe

Como gestor você precisa ter duas metas: as pessoais e a de equipe.

No entanto, é importante ressaltar que quase sempre as duas estão interligadas.

As metas podem ser definidas como ações de curto prazo que visam contribuir para que o objetivo seja alcançado. Elas são muito importantes para te manter no caminho certo e no foco para concluir todas as etapas até que o grande objetivo se concretize. 

Como gestor suas metas pessoais estão entrelaçadas com as da equipe, uma vez que boa parte do seu trabalho depende deles para que sejam executados.

Por isso, ao planejar suas metas pessoais, você precisa ao mesmo tempo entender se elas se encaixam com a de equipe.

18. Tenha um plano de ação

O plano de ação é um dos principais, se não o principal, documento da gestão.

Ele é o seu planejamento, tudo o que vai acontecer, seus recursos e custos estão listados nesse documento. 

É de extrema importância realizar um plano de ação, pois através dele você consegue prever algumas ações e até evitar que prejuízos aconteçam durante a sua gestão. 

19. Saiba onde você quer chegar

A grande vantagem de ser gestor é entender qual o ponto de chegada da sua jornada.

Se você não sabe onde você quer chegar, definitivamente você não sabe o seu ponto de partida nem o que deve ser feito.

Ter uma equipe qualificada te ajuda a compreender isso.

Junte todos esses recursos e as informações que se tem sobre o setor e monte uma estratégia para entender até onde a sua equipe pode te levar. 

20. Acredite em você

Nenhuma das dicas anteriores funcionam sem que você acredite em você mesmo.

A primeira pessoa que deve confiar no trabalho que está sendo feito é você. Sem essa auto confiança, a equipe sem dúvidas vai sentir uma falta de segurança e tudo pode desandar facilmente.

Acredite que você é capaz de conseguir gerir sua equipe e de realizar muitos outros feitos.

Ferramentas para uma gestão de sucesso 

A regra é clara: se há uma nova maneira de vender, de interagir com o mercado e de cuidar de pessoas, há também o surgimento de um novo tipo de gestão.

Este novo perfil de gestor precisa ter mais flexibilidade em determinados pontos e alimentar na sua equipe uma alta capacidade de adaptação às novas realidades.

Se queremos ter resultados concretos diante desse novo jeito de gerir pessoas e processos, precisamos antes de tudo enfrentar as nossas próprias resistências pessoais e os bloqueios que a gente cria com a experiência à frente da gestão.

A função principal do gestor de sucesso é entender que a realidade muda o tempo inteiro à sua volta e que ele precisa se desfazer de paradigmas que aprendeu a construir com os anos. Entender que há aliados que podem reduzir custos, melhorar desempenhos e até facilitar novas maneiras de interagir com clientes é essencial.

Você precisa estar envolvido com a evolução tecnológica, entender melhor como estão seus clientes, preparar-se para encarar uma competitividade acirrada e compreender sua função de gestor em meio a tudo isso. Para te ajudar com isso, temos um conselho: Faça um teste gratuito no Moskit CRM.

Compartilhe esse publicação

Compartilhar no twitter Twitter Compartilhar no facebook Facebook Compartilhar no Whatsapp Whatsapp
Também em Blog Moskit