Contratando os primeiros vendedores

Contratando os primeiros vendedores

Começar um negócio é complicado, e conforme a empresa vai tomando forma, outras responsabilidades vão surgindo.

O dono da empresa tende a pensar ser o único capaz de lidar com tudo, inclusive vendas.

Logo, seu primeiro impulso é agarrar todas as responsabilidades com unhas e dentes.

Só que uma hora o desgaste bate e o rendimento empaca. Sem contar que quanto mais tempo gastamos realizando funções que podem ser administradas por terceiros, mais tempo e dinheiro é perdido.

A maior parte do lucro da empresa é proveniente do setor de vendas. Encontrar alguém para assumir essa responsabilidades é, de fato, desafiador.

Tendemos a não confiar que pessoas de fora serão capazes de lidar com as responsabilidades da função. Ou não compreendemos quais as habilidades são necessárias para inserir alguém ao nosso time.

Entretanto existem algumas dicas que ajudam bastante na hora de contratar os primeiros vendedores:

  • Contratar dois vendedores: Se você não faz a minima ideia de como traçar o perfil do funcionário ideal, e não tem o feeling ainda, contratar dois vendedores é uma saída estratégica. Conhecendo os perfis individuais de cada um, você terá noção de qual mais se encaixa com o porte da empresa e suas expectativas.
  • Contratar uma pessoa preparada: Quando você já conhece sua empresa e tem noção do que procura, sua primeira adição para a empresa pode ser uma alguém que já possui experiência. Um profissional que se encaixa nas qualificações que você procura pode ser treinado, e com o tempo, conforme a empresa for crescendo, se tornar até mesmo seu gestor de vendas.
  • Perfil do cliente: Uma excelente estratégia é pensar no cliente ideal. Se o estudo de persona já tiver sido feito e você estiver ciente das características deste perfil, procurar uma pessoa que combine com o seu cliente, pode ser interessante. Utilizar esse parâmetro, torna as coisas mais fáceis.
  • Utilizar entrevista para conhecer a pessoa: Entretanto se você precisar de alguém que saiba, por exemplo, conversar muito bem, ser bem articulado, durante a entrevista você pode pedir para ele resolver uma situação hipotética ou te convencer a comprar um produto.

Claro que existem outros fatores que contam na hora da decisão, e diversos detalhes que são mais particulares. Mas o importante é lembrar que tentar espelhar em alguém a figura do dono da empresa vai limitar as opções.

Erros acontecem, o importante é aprender com eles.

Antes de finalizar queria deixar um abraço para o pessoal de Riodosul, como vocês viram no vídeo, adoramos os chocolates!

Não se esqueça de se inscrever no canal do Moskit CRM para receber conteúdos do Toca o Sino das Vendas.