[Vídeo] Quando perder um negócio?

[Vídeo] Quando perder um negócio?

É difícil, mas às vezes é preciso aceitar que um negócio não vai mais pra frente e precisamos perdê-lo.

O vídeo dessa semana fala exatamente sobre isso. Confira!

Eu sei que dói, eu sei que não é fácil, mas chega uma hora que a gente precisa pegar o mouse e arrastar aquele negócio que a gente tava trabalhando ao longo de um tempo para aquela temida fase de “perdeu”, aquela hora que a gente perde o negócio.

Mas qual que é a hora certa pra gente perder um negócio no nosso processo de venda?

A gente acompanha bastante gente, acompanha bastante vendedor e às vezes a gente vê que as pessoas se apegam àquele negócio e ficam com medo, ficam com dó de perder o negócio e tirar ele ali do funil de vendas.

Mas não é assim.

Eu acho que um negócio pra ele estar ali no seu Funil de Vendas, pra estar ali no seu dia a dia, ele tem que tá quente; você tem que tá trabalhando ele diariamente, enxergando ele, vendo como que você pode avançar e ir trabalhando pra empurrar ele pra baixo no funil.

Se tá um negócio mais frio, se tá um negócio que tá mais difícil, o cliente não deu muita certeza, a gente vai trabalhar esse negócio mas se deixou pra muito tempo, a gente não tem uma previsão mais de vendas, a gente não sabe mais qual o valor que aquele negócio pode ter, eu acho que chega a hora da gente perder, tirar ele da frente e passar pro próximo.

“Ah, mas aí eu vou parar de trabalhar aquele cliente, é um cliente que vai comprar de mim, só não vai comprar agora”.

Não, você vai continuar trabalhando esse cliente, só que você não vai ter mais o aberto negócio com ele.

Continua marcando atividades, fazendo o follow-up, fazendo uma nutrição em cima daquele contato mas na hora que ele esquentar novamente, você mandou um e-mail, fez uma ligação ele falou:

“Mateus, agora acho que sim, agora acho que a gente pode evoluir”.

A gente abre o negócio de novo, coloca ele no funil de vendas e vamos pra cima pra fechar.

Mas o negócio é evitar deixar negócio parado ali no teu funil de vendas pra você não ficar olhando para aquilo todo dia e às vezes até fazer um julgamento errado dos negócios que você tem na mão pra fechar.

Às vezes você vai olhar naquela fase e pensar “beleza, tenho 15 negócios aqui na fase de proposta”, mas aí você vai ver tem um cara que pediu pra retornar daqui 40 dias, tem um cara que pediu pra retornar no ano que vem. Beleza, eles vão comprar, mas vão comprar um dia. Deu uma esfriada.

Eu acho que o negócio é você deixar realmente só coisas com potencial de vendas que você quer trabalhar naquele momento.

Se não tá nesse perfil, perde sem dó, coloca coisa nova ali dentro, vai trabalhando por fora, fazendo contato com ele, fazendo follow-up, mandando e-mail, nutrindo até a hora que ele ficar legal de novo pra gente colocar no funil de vendas e retrabalhar e aí sim fechar uma venda, porque senão manter esses contatos, ficar com dó e manter esses contatos vai estragar sua meta de ciclo de vendas, que tem um outro vídeo aí na lista pra você ver só sobre isso e enfim, pode te dar falsas esperanças e pra quem tá gerenciando também é ruim a gente ficar olhando aquelas informações que de repente não condizem com a realidade de fechamento.

Beleza?

Então essa é minha dica pra você gerenciar melhor o seu funil de vendas, se você gostou desse vídeo, gostou da dica, dá um joinha aqui embaixo e como sempre, boas vendas!