Os números do Funil de Vendas

Os números do Funil de Vendas

Gestão de vendas é um tema muito amplo, que abrange diversos aspectos que precisam ser conhecidos e analisados por uma equipe para o aperfeiçoamento de seus trabalhos.

Um dos temas mais falados é sobre o uso do Funil de Vendas na rotina de vendas. Aqui no blog do Moskit eu já falei sobre O que é o Funil e também sobre Como estruturar o seu Funil de Vendas.

Mas mesmo trazendo esses dois conteúdos, no dia a dia de vendas muitos vendedores e gestores sentem uma enorme dificuldade em visualizar seus números, porcentagens de conversões e enxergar onde podem estar os problemas que levam ao não atingimento da meta: no início da venda? Durante? No próprio fechamento?

Então hoje eu gostaria de ir além e falar sobre algo mais prático! Se você já sabe a importância do funil de vendas, é hora de entender quais são os números que você vai obter e analisar com a aplicação da ferramenta de Funil de Vendas – que também pode ser conhecido como pipeline.

Funil de Vendas na prática

Com os textos de referências que trouxemos você já consegue ter uma boa base teórica do que é o Funil de Vendas e entender que você e sua equipe podem encontrar muitos benefícios com essa prática.

Mas de nada adianta ter um Funil de Vendas configurado se ele não estiver personalizado para as etapas que fazem sentido para vocês. Então o primeiro passo é personalizar de acordo com o seu processo de vendas, para que esse trabalho esteja sendo feito da forma correta e te traga informações reais.

Na prática, o Funil de Vendas é a visualização em números dos seus negócios. O que está andamento ou já foi fechado? O que acabou de chegar?

Os principais números

Etapas estabelecidas, funil de vendas montado, é hora de começar o trabalho de análise dos dados que ali estão.

De nada adianta você ter tudo muito bem estruturado se não conseguir fazer uma boa análise dessas informações.

*Números de clientes em cada etapa: *Quando você faz o contato com seu cliente (seja porque ele te procurou ou por meio de prospecção) e entende que ele “levantou a mão” e tem interesse no seu produto, você abrirá um negócio e ele entrará em seu Funil de Vendas na etapa “Novo”.

Ou seja, aquele é um contato que vai começar a ser trabalhado com o objetivo de percorrer as etapas até o fechamento da venda.

Por isso é tão importante conseguir ver e ter o controle de quantos negócios abertos se encontram em cada etapa e qual a porcentagem de negócios que estão evoluindo de uma para a outra.

*Número de negócios perdidos em cada etapa: *Nenhum vendedor quer perder negócios, mas nós sabemos que na realidade do dia a dia isso acontece.

Então, saber quantos negócios você está perdendo em cada etapa é um controle extremamente necessário para poder enxergar possíveis problemas no seu processo e conseguir evitá-los para otimizar seus resultados.

Se, por exemplo, muitos negócios não estão evoluindo e sendo perdidos em uma etapa de “apresentação do produto”, você já pode analisar que algo está sendo feito errado nessa apresentação e ajustá-la.

*Ciclo de vendas: *Qual o seu ciclo de vendas? Ou seja, quanto tempo desde que você abriu o negócio demora para fechar esse mesmo negócio?  Quais as etapas que esse cliente percorre?

Dentro do Moskit esse número é a média com base em quando as negociações foram criadas até quando marcou o “ganhou”.

Este número ajuda uma equipe a visualizar quanto tempo uma venda demora para ser realizada em média e conseguir até mesmo acelerar esse processo.

*Ticket médio: *Geralmente o valor de compra de um cliente e outro não é o mesmo, mas existe uma média desses valores e isso ajuda na previsibilidade de caixa da empresa. Esse valor é a média dos negócios ganhos e a quantidade de negócios. Então se você ganhou 5 negócios, 2 deles de valor R$50,00 e 3 com valor de R$120,00, seu ticket médio será de 92 reais.

*Taxa de negócios ganhos: *Qual está sendo o resultado de todo o seu trabalho? Saber a porcentagem de negócios ganhos é um diferencial que você tem fácil acesso no Moskit.

Se sua meta for fechar 30% dos negócios e está em 20%, sabe que precisa modificar algo para atingir esse objetivo.

Construí esse Funil de Vendas de uma empresa fictícia no Moskit para mostrar como você obterá esses números que citamos.

screen-shot-2016-09-13-at-2-37-44-pm

A visualização é simples e você tem os números exatos dentro de um período que você estiver filtrando para sua análise.

Configurando seu Funil

Para quem usa o Moskit é muito fácil configurar seu funil de acordo com as etapas que foram traçadas previamente.  

Você não precisará se preocupar com os números sendo atualizados em planilhas, pois isso acontecerá automaticamente, tornando seu trabalho de análise de negócios muito mais seguro!

funil

Ao entrar no seu Moskit, você encontrará o seu funil de vendas atualizado a cada mudança que acontece entre etapas e isso que torna o gerenciamento de vendas algo tão poderoso, porque você conta com previsibilidade e conhece de fato os seus negócios.

Ficou com alguma dúvida dos principais números que você terá em seu Funil de Vendas? Deixe aqui nos comentários para que eu possa te ajudar!

E se quiser ver na prática como esse processo funciona, comece hoje mesmo seu teste grátis do Moskit CRM!